Cacercopar - Coordenadoria das Associações Comerciais e Empresariais da Região Centro-Ocidental do Paraná

Faciap cria Base Operadora do Paraná.

Iniciativa beneficia os empresários do Estado ao facilitar o acesso ao Serviço de Informações Cadastrais e combater a inadimplência.

No começo de fevereiro, entrou em operação a Base Operadora do Paraná, que garante às Associações Comerciais e Empresariais (ACEs) do estado autonomia sobre os dados do Serviço de Informações Cadastrais. Após analisar a viabilidade técnica e financeira, a Faciap (Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Estado do Paraná) implantou seu próprio Banco de Dados Estadual, trazendo qualidade e sustentabilidade às entidades que compõem o sistema e beneficiando todos os empresários paranaenses.

O presidente da Faciap, Rainer Zielasko, destaca que esta iniciativa garante um serviço de proteção ao crédito duradouro e seguro, representando um grande avanço para a Federação. “A Faciap está fazendo um grande serviço de resgatar esse banco, ter autonomia sobre ele e hospedá-lo em um lugar seguro. Esse banco pertence ao comerciante e as associações têm a responsabilidade de ser a mantenedora dele. Vamos ser os responsáveis por manter e hospedar esse banco, fornecer as informações com segurança a todas as ACEs”, explica.

 

O modelo implantado pela Faciap, além de preservar a transparência e a autonomia dos negócios, promove a união das ACEs em torno de uma ação que respeita os princípios básicos do associativismo. “Um serviço de qualidade e responsável que prioriza a liberdade e a democracia, afinal, as ACEs podem entrar e sair quando julgarem conveniente, sem multa contratual. Com este cenário, demonstramos mais uma vez que o estado continuará sendo uma referência de associativismo”, afirma Zielasko.

O coordenador do grupo pela Faciap e vice-presidente da Associação Comercial e Industrial de Londrina (ACIL), Flávio Balan, destaca a consistência das informações e os benefícios desta ação para o Paraná. “É um banco de dados com consistência de informações, teremos dados locais e de grandes usuários nacionais sem estar preso a um fornecedor só. A força dessa fusão, de estar todos trabalhando por um mesmo objetivo, do mesmo lado, é aí que o Estado do Paraná vai ganhar”, aponta.

 

A Base Operadora do Paraná firmou acordo operacional com a Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL), garantindo acesso ao Banco de Dados do SPC Brasil e Serasa. Com esta parceria, os empresários poderão consultar informações de pessoas físicas e jurídicas de todo o Brasil.

História

Para combater a inadimplência, é fundamental vender com segurança, o que torna este serviço tão importante e uma garantia para os empresários. Até então, todas estas informações estavam centralizadas na Associação Comercial do Paraná (ACP), que repassava os dados para a Associação Comercial de São Paulo (ACSP) para a formação do Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC). Porém, em 2011, este banco de dados foi integrado à empresa Boa Vista Serviços e a ACSP ficou como acionista, com 60% de participação no negócio. Os demais sócios são o Fundo de Investimentos TMG Capital, o Clube dos Dirigentes Lojistas do Rio de Janeiro, a Câmara dos Dirigentes Lojistas de Porto Alegre e a ACP (Associação Comercial do Paraná).

Insatisfeitas com esta imposição, as principais ACEs do Paraná, lideradas pela Faciap, iniciaram um movimento para encontrar alternativa a essa situação. A ação foi encabeçada por representantes de Londrina, Ponta Grossa, Toledo, Cascavel, Foz do Iguaçu, Maringá, Guarapuava e Pato Branco. Aproximadamente 98% das consultas realizadas pelo varejo são locais que, somadas às informações dos grandes usuários, tornam a Base Operadora do Paraná completa e efetiva.



<< Voltar

Parceiros